Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes
 
 
Logo Minas Sem Censura Newsletter

Mais Notícias

 
 

Comissão do Trabalho recebe relatório sobre o acidente em Bento Rodrigues


Deputados do PCdoB recebem o relkatório da SRTE/MG

Núcleo de Comunicação Minas Melhor


Foto: Assessoria do deputado Geraldo Pimenta


O relatório apresentado pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Minas Gerais (SRTE/MG), sobre o acidente ocorrido no ano passado em Bento Rodrigues, em Mariana, depois do rompimento de uma barragem de rejeito de minérios que pertencia à mineradora Samarco, será encaminhado à relatoria da Comissão Extraordinária de Barragens. O deputado Celinho do Sinttrocel (PCdoB), vice-líder do Bloco Minas Melhor, afirmou que vai solicitar que o documento seja detalhado pela comissão. “A princípio já observamos indicativos de excesso de jornada de trabalho, o descumprimento de normas regulamentadoras de segurança e terceirização, pontos que contribuem para o registro de acidentes envolvendo os trabalhadores”, justificou.

O documento foi apresentado à comissão de Trabalho, da Previdência e da Assistência Social durante audiência realizada em Mariana, na quinta-feira (28/04). O evento, que contou com a participação das centrais sindicais e da mineradora Samarco, debateu a situação das famílias e dos trabalhadores, por ocasião do Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trabalho.

O deputado Geraldo Pimenta (PCdoB), membro da comissão e médico do Trabalho, defendeu a investigação realizada pela SRTE/MG e disse que é preciso uma maior organização das empresas e dos sindicatos para a prevenção de acidentes. “Fortalecer as comissões de saúde internas é um caminho importante”, defendeu.


Volta ao Trabalho

A retomada das atividades da Samarco na região foi defendida por unanimidade pelos trabalhares e representações sindicais. O gerente geral da empresa, Carlos Antônio Amorim, reconheceu a gravidade social e ecológica da tragédia e disse que a mineradora está prestando toda assistência às famílias dos trabalhadores, vítimas do acidente. “Estamos consternados e solidários. Mas o acordo assinado pelos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, pala União e as empresas (Vale, Samarco e BHP), tem cláusulas que nos obriga a prestar essa assitência e a sociedade vai ajudar a fiscalizar”, disse.

O deputado Celinho do Sinttrocel ponderou que as atividades sejam retomadas apenas depois de um programa de segurança que proteja o trabalhador. “Foi uma defesa unânime, mas temos que nos preocupar primeiramente com a segurança e a vida das pessoas que estão trabalhado”, pontuou.

Outra defesa feita pelas centrais sindicais foi a da realização de uma conferência estadual para debater a situação das barragens em Minas Gerais. “Nós vamos intermediar essa solicitação junto ao governo. Trata-se de uma iniciativa pioneira que poderá resultar, posteriormente, na realização de uma conferência estadual”, disse.

Além dos deputados do PCdoB, a audiência realizada em Mariana foi requerida também pelos deputados, Doutor Jean Freire (PT), Marília Campos (PT) e Rogério Correia (PT).  


Logo Minas Melhor Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
Rua Rodrigues Caldas, 79 - 3º andar
Santo Agostinho - BH / MG

(31) 2108-7597 minasmelhoroficial@gmail.com
Copyright 2016 Minas Melhor.
Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes