Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes
 
 
Logo Minas Sem Censura Newsletter

Mais Notícias

 
 

Diretor do IPSM revela que gestões anteriores deixaram dívida de quase R$ 2 bilhões com órgão

                                                                                                                                                                                                                                                                                                        Núcleo de Comunicação do Bloco Minas Melhor/ Assessoria da Liderança do Governo

O diretor-geral do Instituto de Previdência dos Servidores Militares do Estado de Minas Gerais (IPSM), coronel Márcio dos Santos Cassavari, informou nesta quarta-feira (16) que o governo de Minas tem uma dívida de R$ 1,9 bilhão com o órgão. Ele ressaltou, porém, que este débito foi construído “ao longo de outros governos” e que a atual gestão do Executivo tem arcado com todos os gastos do instituto, “inclusive os centavos”.

 

E o oficial ainda comemorou o fato de o Executivo não anular a dívida “como um governo anterior, numa canetada”. Questionado pelo deputado Doutor Jean Freire (PT), ele afirma “Foi o governo Azeredo, em 1995. Isso é notório”, referindo-se à gestão do ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB), recentemente condenado a 20 anos de prisão por envolvimento no chamado mensalão tucano.

 

Cassavari participou de audiência pública da Comissão de Saúde da Assembleia realizada para debater a situação do IPSM. Durante a reunião, ele expôs todos os dados relativos às finanças do instituto, assim como os serviços prestados pelo órgão que, em 2015, teve gasto de R$ 1,2 bilhão apenas com o pagamento de pensões. “O orçamento para 2016 é de R$ 2,1 bilhões. E hoje não temos nenhum pagamento em atraso. Todos os profissionais e fornecedores são pagos em dia”, observou.

 


O oficial salientou ainda que o governo Fernando Pimentel também quitou a dívida do programa Pró-Morar Militar, que tem o objetivo de financiar residências para militares e para o qual a gestão do PSDB no Executivo mineiro não fazia repasses desde 2013. Cassavari ressaltou também que o HPM não recebe recursos do Estado, a não ser o pagamento dos militares que lá atuam.


Logo Minas Melhor Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
Rua Rodrigues Caldas, 79 - 3º andar
Santo Agostinho - BH / MG

(31) 2108-7597 minasmelhoroficial@gmail.com
Copyright 2016 Minas Melhor.
Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes