Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes
 
 
Logo Minas Sem Censura Newsletter

Mais Notícias

 
 

André Quintão defende a formação especial para assistentes sociais

Núcleo de Comunicação Bloco Minas Melhor / Agência Minas

Foto: Sedese / MG

Os investimentos governamentais para capacitação de trabalhadores que atuam nos setores de assistência social em Minas continuam e uma parceria entre a Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social (Sedese) com a Associação Mineira de Municípios (AMM) e Fundação João Pinheiro, promove o curso Atualização sobre a Organização e Oferta dos Serviços da Proteção Social Especial. Na abertura em Belo Horizonte, segunda-feira (11/6), o deputado André Quintão (PT) destacou os desafios enfrentados para implantação e manutenção do Centros de Referência Especializados de Assistência Social Regionais (Creas-Regionais) em municípios pequenos.

“A regionalização dos serviços de Proteção Social Especial no âmbito na política pública de assistência é uma etapa de extrema importância para a consolidação de nossas lutas e sonhos. Apesar do momento adverso que vivemos no país e do desmonte das políticas socias, Minas resiste e luta em defesa daqueles que mais precisam”, avaliou o líder do Bloco Minas Melhor, que lembrou o tamanho do desafio no estado pois “67,5% dos municípios mineiros têm população menor que 20 mil habitantes e não possuem o serviço”.

Abertura -  Durante os meses de junho e julho diversas cidades do estado receberão o curso e o seminário “Nas Trilhas da Regionalização da Proteção Social Especial em Minas Gerais” iniciou os trabalhos e analisou as proposições da Sedese para aumentar o alcance das políticas públicas do setor. Os encontros oferecem vagas para profissionais de 559 municípios mineiros que oferecem a Proteção Social Especial (PSE). O curso tem duração de uma semana, e assim como os quatro anteriores, será realizado de forma regionalizada, nos 21 polos de capacitação.


Expansão
- “Este é um curso muito especial para nós porque é uma oportunidade de expandir a discussão sobre a proteção social especial e apresentar o modelo de regionalização adotado em Minas Gerais. Além da implantação e manutenção de Centros de Referência Especializados de Assistência Social Regionais (Creas-Regionais) pelo governo estadual, criamos também a figura da referência técnica da PSE”, explica a subsecretária de Assistência Social, Simone Albuquerque.

André Quintão destacou durante o seminário a importãncia do capital humano quando se fala em trabalhos de assistência social, um ambiente em que pessoas estão cuidando de pessoas. “Por isso, capacitar os profissionais que estão na ponta é fundamental para oferecer um serviço de qualidade, que faça a diferença, de fato, na vida daqueles que mais precisam”, disse.

Etapas - Composto por três painéis (A Proteção Social Especial no âmbito da Política Nacional de Assistência Social; O Trabalho Infantil: Histórico e Perspectiva no Suas; O Desafio da Universalização da Proteção Social Especial: Caminhos e Experiências de Minas Gerais). O seminário conta ainda com o lançamento da publicação: Caderno Trabalho Infantil: Histórico, Conceito, Aspectos Socioculturais, Linguagens Alternativas de Abordagem e Intervenção Social e Gestão do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI) no Contexto do Suas.

O caderno PETI apresenta a memória dos encontros que, em 2017, capacitaram mais de 500 gestores sociais, para atuarem com criatividade em ações estratégicas de identificação, proteção, defesa e responsabilização que integram o tema. “Minas vem se destacando  também com esse caderno que inova na abordagem de atendimento especial  às famílias e usuários”, explica o superintendente de Proteção Social Especial, Regis Spíndola.

Além de Belo Horizonte e Passos, os polos de capacitação de Governador Valadares, Timóteo e Divinópolis (18), Montes Claros Teófilo Otoni, Ituiutaba e Juiz de Fora (25) também iniciam o curso em junho. Em julho, estão marcadas as aulas inaugurais para Salinas, Curvelo, Almenara e Muriaé e São João Del Rei (02), Patos de Minas, Araçuaí e Uberaba (09), Paracatu e Poços de Caldas (16), Uberlândia e Varginha (23).


Logo Minas Melhor Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
Rua Rodrigues Caldas, 79 - 3º andar
Santo Agostinho - BH / MG

(31) 2108-7597 minasmelhoroficial@gmail.com
Copyright 2016 Minas Melhor.
Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes