Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes
 
 
Logo Minas Sem Censura Newsletter

Mais Notícias

 
 

Cristiano Silveira pede coerência à oposição em nome do progresso de Minas

Núcleo de Comunicação do Bloco Minas Melhor

Foto: Assessoria Deputado Cristiano Silveira

Na terça-feira (08/05), o vice-líder do governo, deputado Cristiano Silveira (PT), ocupou a tribuna do Plenário da Assembleia Legislativa e destacou as realizações da gestão do governo Fernando Pimentel naquele dia, “à revelia de quem quer que o Estado não dê certo”. Ele se referia ao pedido de impeachment do governador por suposto crime administrativo apresentado à Casa por um advogado. “O governo inaugurou hoje duas pontes em Brasilândia de Minas e na semana passada anunciou novos credenciamentos no Vale do Aço para os servidores públicos do Estado. Poderia estar fazendo muito mais, mas tem gente que não quer que nossa economia caminhe”, analisou.

Cristiano criticou os deputados da oposição por não estarem avaliando os danos que um processo de impeachment pode custar ao Estado. “Não podemos ser incoerentes ao cobrar resultados do governo e, ao mesmo tempo, não aceitar votar o projeto que permite a venda de parte da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), para gerar recursos para obras e serviços essenciais da população”, comparou.

Golpe - Em seu pronunciamento, Cristiano também destacou que “a retirada da presidenta Dilma do poder, trouxe consequências danosas para o Brasil, pois a situação do brasileiro está pior hoje, do que era antes do golpe, com 13,7 milhões de pessoas desempregadas e 32 milhões em situação de sub-emprego. “A promessa era de que depois que ela saísse, a economia do País iria melhorar. Mas o que estamos assistindo é o contrário, com relatos absurdos na imprensa de pessoas que estão voltando a cozinhar à lenha, pois não estão conseguindo comprar o gás de cozinha. Nós não podemos conviver com essa vergonha internacional”, relatou.

Equilíbrio
- O parlamentar traçou um paralelo entre as argumentações para um impeachment de Pimentel e a gestão do ex-governador Antonio Anastasia (PSDB), que também poderia ter sido impedido por não cumprir os mínimos constitucionais previstos para investimentos em saúde e educação. Cristiano Silveira lembrou que Anastasia extrapolou o limite de suplementação orçamentária aprovado pela Assembleia durante o seu governo (2011-2014), sem que houvesse pedido semelhante. “Ele suplementou em 18%, mas a autorização era para 10%. Nós não podemos contaminar o nosso calendário eleitoral e criar esse clima de paralização no Legislativo. Nós temos que pensar no nosso Estado e agir de forma equilibrada”, finalizou.



Logo Minas Melhor Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
Rua Rodrigues Caldas, 79 - 3º andar
Santo Agostinho - BH / MG

(31) 2108-7597 minasmelhoroficial@gmail.com
Copyright 2016 Minas Melhor.
Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes