Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes
 
 
Logo Minas Sem Censura Newsletter

Mais Notícias

 
 

Preso em solitária e impedido de receber visita de Prêmio Nobel, Lula é confirmado candidato a Presidente

Décio Junior - Núcleo de Comunicação do Bloco Minas Melhor

Foto: Guilherme Dardanhan

O deputado Cristiano Silveira (PT) ocupou a tribuna da Assembleia para criticar a decisão da juíza Carolina Lebbos que, na semana passada, impediu que o Prêmio Nobel da Paz Adolfo Pérez Esquivel, de 87 aos, e o teólogo e escritor Leonardo Boff, de 79, visitassem o ex-presidente Lula, preso há 15 dias em Curitiba. Cristiano fez críticas também à grande mídia por não divulgar o fato. “Uma decisão forte, assim como a imagem de Boff sentado do lado de fora da Polícia Federal, que foi tomada por uma juíza que é força auxiliar de Sérgio Moro, que por sua vez travou uma batalha contra Lula, e os grandes veículos de comunicação pouco repercutiram o fato”, reprovou.

Cristiano disse que o País, além de sofrer com a derrubada da democracia, tem sido lesado pelo descumprimento da Constituição Federal por parte do poder Judiciário, que tem agido de forma arbitrária, impedindo inclusive, que congressistas visitem o ex-presidente. “Deputados e Senadores têm prerrogativa de entrar no sistema prisional brasileiro e mesmo assim estão sendo barrados”, alertou.

O impedimento às visitas fere à Constituição Brasileira ao colocar o ex-presidente Lula em situação de isolamento. “Ao contrário do que falam, Lula não está tendo um regime diferenciado, pois está numa solitária, que é uma pena que se aplica para quem cometeu erros graves dentro do sistema e isso ele não fez. Aliás, nem crime o presidente Lula cometeu, pois não há provas, nenhum documento, nenhuma escritura que prove ser dele o tripléx no Guarujá” lembrou.

Decisão partidária - Colega de partido de Cristiano Silveira, o deputado Rogério Correia também criticou o isolamento imposto ao ex-presidente Lula e observou que a ex-presidente da República, Dilma Rousseff, acompanhada pela presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, e pelo senador Lindbergh Farias foram impedidos também de visitar o ex-presidente. “Essa juíza [Carolina Lebbos ] age pior do que agiam os juízes da ditadura, pois colocaram Lula numa solitária. Hoje ele é um preso político e a justiça brasileira está dando um péssimo exemplo para o mundo”, disse.

Em visita à Curitiba na segunda-feira (23/04), o 1 secretário da Assembleia, deputado Rogério Correia (PT), informou que o Diretório Nacional dos PT, ao qual integra, referendou a candidatura de Lula às eleições deste ano. Além disso, há uma orientação do próprio DN para que os Diretórios Estaduais promovam caravanas e lançamento da candidatura.

Rogério explicou que uma reunião da Frente Brasil Popular marcou uma agenda de manifestações em favor da libertação do ex-presidente Lula, com apoio de entidades internacionais. “Saio do Paraná com mais ânimo ainda. O acampamento vai bem, recebendo caravanas de todo o Brasil, o que entusiasma a nossa luta. Lula não estará só, estará livre e estará candidato”, afirmou.

PT apresenta Plano Lula de Governo

Mesmo com a sua a maior liderança política sendo mantida presa sem provas e isolada por integrante do Judiciário do Paraná, o PT apresentou essa semana, em Curitiba o cronograma e a metodologia do Plano Lula de Governo. Trata-se de um documento oficial do PT, resultado de meses de trabalho realizado junto com a Fundação Perseu Abramo, que teve a participação de intelectuais acadêmicos e de movimentos sociais e participação popular.


O Plano Lula de Governo mostra que vamos continuar lutando pela liberdade do ex-presidente e que o Brasil quer, não só Lula Livre, mas Lula candidato nas eleições. Se quiserem nos derrotar terão que nos enfrentar no voto”, disse o líder da bancada do PT na Assembleia de Minas, deputado André Quintão.

André Quintão destacou os sete eixos que fundamentam o Plano Lula de Governo. “Por meio de uma plataforma na internet as pessoas puderam opinar, sugerir e com isso contribuíram para a elaboração de um documento que não foi imposto ao país, mas que foi construído a várias mãos e que mostra o desejo do povo brasileiro.

Sete Eixos do Plano Lula de Governo
1. Sistema internacional, soberania e defesa nacional;
2. Participação popular, a liberdade, direitos e diversidade: que democracia queremos?;
3. Integração e coesão nacionais e ofertas de serviços públicos nos diversos territórios: é possível construir um país mais justo para todos?;
4. O que é qualidade de vida para você?
5. Como aumentar a nossa estrutura de bens comuns;
6. Como reduzir a desigualdade e garantir a inclusão social no Brasil;
7. Desenvolvimento econômico e sustentabilidade: como mobilizar recursos naturais e industriais gerando riqueza para todos.


Logo Minas Melhor Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais
Rua Rodrigues Caldas, 79 - 3º andar
Santo Agostinho - BH / MG

(31) 2108-7597 minasmelhoroficial@gmail.com
Copyright 2016 Minas Melhor.
Facebook Youtube Twiter Sound cloud
nas redes